sábado, 11 de fevereiro de 2017

Volta às Aulas!!!

Oláaaaaaaaa Galerinha!!!


Assim como vocês, todos os professores e profissionais dos colégios estão ansiosos para um novo ano de aventuras e descobertas!

Vamos fazer de 2017 um ano incrível?

Podemos começar nos esforçando sempre para aprender e ajudar à todos nesse processo! Eu, particularmente, não vejo a hora de começar, rever os amiguinhos do ano passado e conhecer os novos amigos!
Que Deus nos abençoe em mais um ano letivo e que seja realmente incrível!


Professor Júlio Costa! 

Como fazer um bom professor...

Como seria uma hipotética receita para se fazer um bom professor? Pensei sobre algumas experiencias e pretensamente resolvi brincar de filósofo e escrever sobre o assunto:
Alguns diriam que o ingrediente principal seria o domínio dos conteúdos... Bom eu entendo que pensem assim, mas nesta receita todos os ingredientes são essenciais.. Um outro ingrediente essencial seria a paciência para ouvir perguntas que às vezes são repetitivas, pois não sabemos o que está passando na cabeça do aluno que perguntou! Ele pode estar desatento não por que não "curtiu" a aula, mas pode sim estar "fora do ar" por um problema pessoal. E por muitas vezes se perde a paciência e se pergunta:" Nossa, ele não ouviu a resposta e fez a mesma pergunta?"
Bons professores também erram, mas bons professores sabem reconhecer seus erros e pedem desculpas :)
A paciência para respeitar tempos e momentos é essencial!
Ter empatia é salutar pois denota a importância que se dá ao outro! A empatia remete a um comprometimento com a causa da aprendizagem, quem sabe se colocar no lugar do outro, tenta o entender e age comprometido para ajuda-lo a vencer suas dificuldades e sanar suas dúvidas. Outra questão é a gratidão! A gratidão é o perfume da alma! Pessoas ingratas tem problemas de memória ou de caráter.. A gratidão, por sua vez, remete a humildade, pois quem agradece o que ganha e o que fazem em seu beneficio, é uma pessoa que tem mais facilidade para perdoar, reconhecer erros e tentar repará-los. Pois somos por muitas vezes ajudados por pessoas que logo depois execramos...faltou gratidão?Memória? Ou é um problema de caráter e/ou personalidade? Domínio dos conteúdos, paciência, empatia, comprometimento, gratidão, humildade e um outro que é o ingrediente que une, que da liga a essa "massa":
A alegria de fazer seu ofício! Quem está por perto é contagiado mais cedo mais tarde por isso... A alegria é percebida pelos alunos e assim como o professor se sente alegre fazendo seu oficio os alunos sentem alegria em aprender também! Essa hipotética receita é um desafio diário, sim às vezes nos perdemos entre os ingredientes...Mas a alegria de se perceber parte importante do processo de aprendizagem, não pode ser perdida! A alegria encanta! O bom professor é em suma um encantador que encantado pelo seu oficio, faz de tudo para que a aprendizagem, mesmo com tantos ruídos desse mundo, seja a melhor viagem, a melhor experiencia dessa vida! Á todos um ótimo finde! Paz e bem!

Professor Júlio Costa


quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

3 músicas de perdão...

Tirando um tempinho para louvar pedindo perdão pelos erros que cometi contra Deus, contra minha família, contra meus amigos e por todas as vezes que cometi o erro de julgar o outro só porque tem um pecado diferente do meu...

Que possamos ser melhores para um ano que já começou! 
Paz e bem! 

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

No sábado ( 19/11) , finalizou-se o projeto “Florianópolis: um pulo no futuro e tabuada em Canto”, dos alunos do 3º ano da Unidade de Ensino I. Durante o projeto, desenvolvido ao longo de todo o ano, os alunos conheceram o passado de Florianópolis e a importância de nossas atitudes para o futuro da cidade. O passado, o presente e o futuro foram representados através de músicas locais, que remetem aos costumes da Ilha e ao orgulho de viver aqui. Já o trabalho com a tabuada aconteceu nas aulas de música, durante as quais, de forma criativa e divertida, os alunos fizeram a memorização através de paródias de músicas conhecidas por eles.



quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Males do excesso de barulho...

Esta semana estou conversando com meus alunos a cerca do excesso de barulho em locais fechados, tais como as salas de aula. Abaixo segue uma matéria interessante sobre o assunto: s perigos da exposição prolongada a altos níveis de barulho vão além do estresse e afetam diretamente a sua saúde Existe uma máxima que diz que qualquer coisa, em excesso, faz mal.
Ela pode não ser usado em todas as situações, mas em relação à exposição ao barulho, o ditado não só se aplica como justifica os problemas de saúde ocasionados por ela.
Todos os dias somos expostos a diversos tipos de ruídos como motores e buzinas de carros, construções, música alta e eletrodomésticos que acabam colocando a saúde em risco.

Além da intensidade máxima de som considerada segura para o ouvido (85 decibéis) que é facilmente alcançado em diferentes situações do nosso dia a dia, outro fator importante para o prejuízo que o barulho pode causar para a audição é o tempo de exposição. Sons de 85 a 90 dB, os quais são comuns, se tornam nocivos depois de oito horas de exposição.
O barulho do trânsito, por exemplo, é uma forma de poluição sonora considerável, mas, de uma forma geral, não causa tantas perdas auditivas, pois a exposição a esse tipo de barulho nem sempre é contínua e prolongada, a não ser para pessoas que têm uma realidade diferente como trabalhar na rua ou dirigindo veículos como ônibus, máquinas e caminhões. Ficar exposto a barulhos externos ou internos freqüentes pode ocorrer em qualquer lugar, desde a sua casa e na rua, mas é no ambiente profissional que isso mais ocorre, como em indústrias……..

Quem fica submetido a barulhos intensos por muito tempo não demora a apresentar sintomas. Os primeiros a aparecer geralmente são os zumbidos, sensação de estar com os ouvidos tapados e ouvir sons abafados. As lesões auditivas que ocorrem progressivamente são muito difíceis de serem revertidas. Mas muito mais do que isso, o barulho excessivo pode causar males e doenças muito piores mesmo com pouco tempo de exposição. Pesquisas mostram que o ruído acima do limite, além de problemas de audição, pode causar ansiedade, nervosismo, insônia e até hipertensão.

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

A música e seus milagres!

De que você estava reclamando mesmo?
Superar-se é ter a certeza que não há limites para as coisas deste mundo, pois para quem crê tudo é possível, de um jeito ou de outro se consegue o que quer, se a causa é nobre é possível conseguir! Paz e bem!




Gratidão!

Prefiro acreditar na gratidão, pois mesmo que vejamos tanta incompreensão e desvalorização na profissão, a gratidão é o perfume da alma! Deus abençoe meus alunos e suas famílias! E vamos para mais uma reta final de ano! Que seja com paz, compreensão, empatia, diálogo e acima de tudo com gratidão! Paz e bem!